O que é Metaverso
A nova aposta das gigantes de tecnologia, conheça o Metaverso

Por Diminua
09/11/2021 10:12:25

Metaverso, a nova aposta de Zuckerberg

O Facebook anunciou recentemente um investimento de US$ 50 Milhões para construir o seu próprio universo virtual. Meses antes a Epic Games, uma empresa de jogos eletrônicos que está por trás do Fortnite também anunciou seu próprio metaverso. A companhia fundada por TIm Sweeney levantou US$ 1 bilhão em uma rodada de investimentos em abril para financiar seu metaverso. 

 

Mas do que se trata esta novidade?

O metaverso pode parecer uma versão repaginada da tecnologia de realidade virtual, alguns especialistas argumentam, contudo, que ele se desenha como o futuro da internet. Para efeito de comparação, esse novo universo digital seria para a realidade virtual o que os Smartphones modernos representaram para os celulares dos anos 1980. 

Isso, porque em vez de restringir-se ao computador, o metaverso permitiria que o usuário entrasse em um mundo virtual mais amplo, conectado com todo tipo de ambiente digital. Ao contrário da realidade virtual atualmente, usada majoritariamente no mundo dos games, o metaverso também poderia ser aplicado em outras áreas, por exemplo no mercado de trabalho para realização de shows, exibição, filmes ou simplesmente com um espaço para relaxar.

Como o conceito de metaverso ainda está no campo das ideias, contudo, não existe uma definição exata do que é um metaverso. Na visão de alguns, por exemplo, cada usuário teria nesse mundo paralelo um avatar em 3D, uma representação de si mesmo, há um enorme entusiasmo entre grandes investidores e empresas de tecnologia e ninguém quer ficar para trás se esse de fato for o futuro da internet.

 

Prioridade para o Facebook

Existe ainda uma visão de que, finalmente, a tecnologia e a conectividade avançaram o suficiente para levar a realidade virtual a um outro patamar, construir um metaverso é hoje uma das prioridades do Facebook, a companhia tem investido pesadamente no segmento de realidade virtual, há alguns anos lançou seu próprio headset VR batizado de Oculus, vendido hoje a um preço menor do que  o cobrado pela maioria dos rivais. Também tem desenvolvido aplicativos de realidade virtual para plataformas de comunicação, os chamados social hangouts.

Apesar do longo histórico de aquisição de concorrentes, o Facebook já declarou que o metaverso não será construído da noite para o dia por uma única empresa e afirmou desejar colaborar com outras empresas neste sentido. Parte deste investimento de US$ 50 milhões será usado, segundo a empresa, para financiar grupos sem fins lucrativos que ajudarão a construir o metaverso com responsabilidade, entretanto, segundo facebook o mundo ainda precisa de 10 ou 15 anos para que a ideia comece a tomar forma de maneira mais concreta.

 

Conclusão sobre o Metaverso

Embora existam muitas ideias diferentes sobre o que é o metaverso,  a maioria das visões cola a interação social como núcleo e pilar primordial. O facebook, por exemplo, tem experimentado um aplicativo de reuniões de realidade virtual chamado Workplace e um espaço social batizado de Horizons, em abos são usados sistemas de avatar virtual. 

Outro aplicativo, o VRChat, não foi pensado em torno de uma atividade específica, mas como um local em que as pessoas possam curtir, conversar e conhecer gente nova e parece não haver limites para a criatividade.